Artigo Coaching02

Como criar uma semana de trabalho maravilhosa.

Você já comemorou quando chegou uma sexta-feira? Ou ficou desanimado quando chegou uma segunda-feira ou domingo à noite? Talvez você tenha visto postagens nas redes sociais com conteúdo de alegria quando é sexta e tristeza na segunda-feira. Com isso, você começa a pensar como será o dia seguinte e sente a sensação que lhe é sugestionada.

Outro dia estava assistindo o jornal na TV e o apresentador falou: “Que bom, hoje é sexta-feira!”. E por que não se costuma falar que é um dia bom também quando é segunda, terça, quarta ou quinta-feira? O que a maioria ainda não sabe é que nós temos escolhas. Você pode deixar que a mídia ou colegas lhes digam como sentir ou pode fazer diferente. E como seria fazer diferente?
Uma ferramenta do Coaching que utilizo tanto na vida pessoal, quanto com os clientes é o G.R.O.W. (Goal, Reality, Option e What ou Will)

Goal (Meta)
Eu sempre começo com a pergunta: “O que você quer?
Uma pergunta simples, mas poderosa. Assim como na fábula “Alice no país das Maravilhas”, a personagem do gato diz: “Se você não sabe para onde vai, qualquer caminho serve”.
Se você não quer ficar desanimado numa segunda-feira, o que quer sentir? Talvez ficar tranquilo, calmo ou motivado. Qual estado emocional você escolhe querer sentir? Imagine agora que está chegando a segunda-feira e você ficando nesse estado positivo, seja tranquilo, calmo ou motivado, e percebe que o seu corpo começa a ficar diferente só de imaginar sentir. Talvez agora, você comece a respirar de forma diferente e sentir levemente uma sensação boa, que vai aumentando enquanto pensa que a segunda é o começo de uma semana maravilhosa.
E com essa sensação, como fica agora o seu trabalho? Como é trabalhar e ainda ter qualidade de vida?

Reality (Realidade)
Talvez só com o exercício acima já seja o suficiente.
Comece a comparar aquela imagem ideal com a sua realidade de hoje e perceba a diferença, que é completamente possível chegar aonde deseja, até porque já teve situações que você já ficou nesse estado emocional, nem que seja apenas um dia.
Você pode utilizar perguntas como: “Como está o seu dia? Qual o aspecto positivo e negativo atual? Qual a diferença entre o que eu quero e onde estou?

Option (Opções)
Agora perceba que você pode fazer diferente, que existem várias formas de chegar neste estado de plenitude, tranquilidade. Você pode ouvir uma música no carro ou conversar com pessoas que gosta. Independentemente do que os colegas falem, é apenas mais uma razão para o seu dia ser maravilhoso, talvez agradeça por todos os aspectos positivos do trabalho e entenda que os negativos, são positivos “disfarçados”.
Uma pergunta que utilizo bastante é: “O que você vai fazer de diferente? O que mais você pode fazer? Se tudo fosse possível, o que faria?

What ou Will (Fazer)
E nessa fase agora você já sabe o que fazer, onde e quando fazer. E se caso não obtenha o resultado desejado, este será apenas um indicador, sinalizando que você precisa usar outra estratégia para estar mais próximo de seu objetivo final.
Então pergunte-se: “O que eu vou fazer? Quando? Onde? Como? Quem pode ou vai me apoiar?“. É o momento de criar as estratégias para agir.

Grow significa “crescer”, é uma das primeiras ferramentas do Coaching e é essencial para você que quer ter uma semana maravilhosa, mas não apenas durante um dia ou uma semana, mas que se estenda para um mês, um ano ou mesmo para a sua vida inteira daqui para frente, para que ela se torne espetacular. A escolha é sua.

Daniel Freitas

Daniel Freitas Ramos – Psicólogo, Master Coach, PNL e facilitador do Curso de Coaching com Abordagem Sistêmica da PNL.

Comentários